Acesse Nossas Redes Sociais

Dicas

10 Melhores Maquininhas de Cartão (Menores Taxas e Benefícios)

Publicado

em

Não dá mais para viver sem o nosso famoso cartão! Seja para débito ou crédito ele auxilia e facilita muito os nossos dias, além de trazer mais segurança e conforto para as nossas compras, não é mesmo? Mas, para tudo isso ser possível, é preciso de uma maquininha eficiente e que valha a pena economicamente para o seu proprietário. Por isso nesse texto nós falaremos um pouco mais sobre as 10 Melhores Maquininhas de Cartão (Menores Taxas e Benefícios), acompanhe!

 capa-maquininha- 10 Melhores Maquininhas de Cartão (Menores Taxas e Benefícios)  

A história da maquininha de cartão:

O terminal de pagamento eletrônico, mais conhecido como máquina de cartão, é uma das ferramentas tecnológicas mais utilizadas. À frente dele em popularidade, só os celulares e computadores.

O terminal de pagamento eletrônico deve sua existência sobretudo à generalização do cartão bancário como meio de pagamento.

Os primeiros cartões bancários, Diners Club e American Express, apareceram nos Estados Unidos na década de 50.

Com estes, o vendedor passou a poder comunicar-se tanto com o banco do cliente quanto com seu próprio banco. Ou seja, tornou-se possível realizar uma transação remotamente sem o uso de dinheiro.

No Brasil, o primeiro cartão chegou em 1956 e era de bandeira Diners Club. Na época, ele era usado apenas como um cartão de débito e não como cartão de crédito, sendo aceito somente em alguns restaurantes.

Alguns anos depois, em 1968, foi lançado o primeiro cartão de crédito de banco: o Elo, do banco Bradesco. Mas, foi apenas em 1977, que cada banco passou a emitir seu próprio cartão.

Também, nos anos 70, chegaram ao Brasil os cartões emitidos por lojas, chamados de “private label”.

O terminal de pagamento eletrônico deve sua existência sobretudo à generalização do cartão bancário como meio de pagamento.

Os primeiros cartões bancários, Diners Club e American Express, apareceram nos Estados Unidos na década de 50.

Com estes, o vendedor passou a poder comunicar-se tanto com o banco do cliente quanto com seu próprio banco. Ou seja, tornou-se possível realizar uma transação remotamente sem o uso de dinheiro.

No Brasil, o primeiro cartão chegou em 1956 e era de bandeira Diners Club. Na época, ele era usado apenas como um cartão de débito e não como cartão de crédito, sendo aceito somente em alguns restaurantes.

Alguns anos depois, em 1968, foi lançado o primeiro cartão de crédito de banco: o Elo, do banco Bradesco. Mas, foi apenas em 1977, que cada banco passou a emitir seu próprio cartão.

Também, nos anos 70, chegaram ao Brasil os cartões emitidos por lojas, chamados de “private label”.

Os primeiros cartões bancários eram cartões com gravação em relevo. As informações contidas neles incluíam o nome e endereço do titular do cartão e um número de identificação único, permitindo a identificação da conta associada.

maquinas-taxas 10 Melhores Maquininhas de Cartão (Menores Taxas e Benefícios)

Os cartões eram “lidos” por um terminal de pagamento não eletrônico, que não dependia de internet – esta ainda nem existia. A informação em relevo no cartão era impressa em um recibo com papel carbono, e este era assinado pelo cliente e enviado aos bancos.

Outra evolução tecnológica que mudou os hábitos dos empreendedores e a operação do terminal de pagamento eletrônico foi a chegada de aparelhos que não precisam de celular para funcionar. Isto foi possível graças às tecnologias de telefonia, que tornaram o terminal de pagamento eletrônico verdadeiramente móvel.

Em 1977, a norueguesa Telenor Mobile começou a comercializar este terminal de pagamento sem fio.

Sua chegada permitiu que vendedores aceitassem pagamentos com cartão de crédito em qualquer lugar: nas praias, em um food truck, em feiras.

Pin on Glass é a nova tecnologia que está chegando às máquinas de cartão. Esta, nada mais é do que a digitação da senha do cartão de crédito ou débito direto na tela do dispositivo, em vez de em um teclado físico.

Melhores maquininhas de cartão:

  1. PagSeguro 
  2. Mercado Pago
  3. Ton
  4. InfinitePay
  5. SafraPay 
  6. SumUp 
  7. SuperGet 
  8. Cielo

As máquinas mais baratas são as que usam a tecnologia de transação por bluetooth com auxílio de celular. Dentre elas, a melhor maquinha mais barata é a Point Mini NFC 1 do Mercado Pago por 12x de R$0,96.

Em seguida, está a Ton T1, que custa 12x de R$ 2,90.

Agora, a máquina com menor taxa é a Granito, com tarifas a partir de 0,90% no débito e de 1,40% no crédito. Porém, esses custos são apenas para quem atua como pessoa jurídica.

Assim, a segunda melhor maquininha de cartão com menor taxa no débito é da MEI Fácil. A sua tarifa é a partir de 0,99% no débito e de 3,11% no crédito. Todavia, é importante lembrar que essa é uma alternativa mais simples.

Confira um simulador de taxas onde você pode simular a melhor maquininha para você e e veja como calcular o seu preço de vendas!

maquininha-beneficios 10 Melhores Maquininhas de Cartão (Menores Taxas e Benefícios)

Pronto, agora você já está apto para decidir qual a melhor maquininha para você, com a menor taxa e valor disponível. Não esqueça de sempre pesquisar bem sobre os benefícios dessa maquininha. Gostou desse conteúdo? Compartilhe com seus amigos!

Encontrou algo errado ou não atualizado? Fale conosco deixando um comentário ou enviando um e-mail para: [email protected]
hpg-google-news 10 Melhores Maquininhas de Cartão (Menores Taxas e Benefícios)
Compartilhe:

Clara é estudante em Comunicação Social na UNIP (Universidade Paulista) e escreve sobre assuntos relacionados a Dicas, Eventos e Televisão. Antenada sobre o mundo dos Famosos, tem como principal hobby ouvir músicas e assistir filmes. Entre em contato com Clara deixando um comentário em uma publicação ou através do e-mail [email protected]

Clique para comentar

Deixe Seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Novidades

Colunas

Páginas

Conteúdo em Destaque

HPG - Hábito Pragmático é gerido por Miidia Serviços de Publicidade Web EIRELI – CNPJ 14.444.032/0001-90 - Contato: [email protected] - Todo nosso conteúdo é original, de propriedade do HPG e pode ser reproduzido, desde que apontada a devida fonte com um link para nossa Home Page ou página em questão. Conteúdo de ordem Prática, Objetiva e Realista.