Acesse Nossas Redes Sociais

Direitos

Pedi Demissão: Quais os Meus Direitos?

Publicado

em

Pedi demissão, mas não sei se terei direito. E agora? Essa também deve ser a sua dúvida se estiver querendo sair do seu emprego atual, não é verdade?

Se um funcionário quer pedir demissão do trabalho, ele deverá comunicar a empresa com antecedência, tendo o prazo de no mínimo 30 dias para avisar. Caso ele não opte por trabalhar nesse tempo, ele terá o valor descontado do seu salário de rescisão.

Esse mesmo período onde o trabalhador comunica sua decisão é chamado de “Aviso prévio”. Existem direitos para aqueles que pedem demissão com e sem esse aviso, e eles são bem claros na CLT.

Você quer pedir demissão, mas ainda não sabe a maneira certa para garantir seus direitos? Então leia abaixo para saber mais sobre as leis.

direitos-pedido-de-demissao Pedi Demissão: Quais os Meus Direitos?

Como pedir demissão para receber meus direitos?

O processo de demissão é delicado, sendo importante ter conhecimento de todas as ações que serão tomadas e ter precauções de todos os tipos de imprevistos. Para pedir demissão e ter os seus direitos, faça da seguinte forma:

Pedi demissão para o RH, estou correto?

Você quer pedir demissão, mas com quem falar primeiro? Com o gestor? RH? Colegas do trabalho? Essa é a dúvida de diversas pessoas quando o assunto é pedir demissão.

É importante dizer que seus colegas de trabalho não podem saber de nada antes do seu próprio chefe, evite fofocas e murmurinhos que possam comprometer sua imagem na empresa.

Se estiver pensando em pedir demissão, guarde os planos com você até ir conversar com o superior direto. Somente ele poderá atender o seu pedido e passar todas as orientações que você deverá seguir.

Pedi demissão, mas não sei como explicar o motivo

Os gestores precisam entender que as pessoas podem trocar de emprego por diversos motivos, e eles precisam de maturidade para aceitar isso. Portanto, o trabalho não precisa inventar nenhuma história mirabolante para justificar a decisão.

Explique de forma verídica, as motivações que levam a decisão, seja por algo pessoal, inadequações em funções propostas ou na remuneração. Esse tipo de informação pode ser positiva para a empresa, que poderá mudar a descrição da vaga ou selecionar novos profissionais mais interessados nela.

Pedi demissão com antecedência, quanto tempo devo esperar?

Pedi demissão, mas não sei quanto tempo devo esperar na empresa, o que fazer? Ao solicitar a demissão a sua ausência será sentida nas suas funções dentro da empresa, portanto, de um tempo para que a empresa consiga encontrar alguém para te substituir.

A legislação trabalhista prevê a possibilidade de um aviso prévio de até 30 dias. Se tiver a opção de escolher, tenha uma conversa com o gestor e RH para cumprir o período do aviso.

Se já tiver uma outra proposta de emprego e que seja de início imediato, você pode tentar negociar se conseguir algum tempo para conseguir fazer a mudança de uma para outra.

pedi-demissao-quais-meus-direitos Pedi Demissão: Quais os Meus Direitos?

Quais são os direitos ao pedir demissão

Quais são os meus direitos agora que pedi demissão? Essa é a dúvida de centenas de cidadãos que pedem para sair do emprego em que estão. Veja quais são os direitos:

13° salário proporcional

O 13° salário proporcional é direito de todo funcionário, o valor deve corresponder ao mês ao qual foi solicitado a demissão.

Para conseguir saber o valor que deve receber, some os meses que trabalhou e calcule a equivalência com o valor do 13°. Por exemplo, se pedir demissão no mês 5, então receberá 5/12 do total do 13° salário.

Saldo de salário

O saldo corresponde aos dias que foram trabalhados no mês que o trabalhador pediu demissão. Digamos que ele tenha trabalhado por dez dias após formalizar o pedido, então terá um saldo para receber que seja equivalente a esses dias.

Férias

Aqui, é importante que o trabalhador saiba o período que tirou férias ou não, pois algumas considerações devem ser avaliadas nas contas finais. Como:

  • Se ultrapassou o período determinado por lei sem retirar as férias que são de direito do cidadão, e poderá receber pelas férias em dobro
  • Se tiver em dia com as férias, não poderá usufruir do direito, sendo essa denominada de “férias simples”
  • Se o período aquisitivo estiver decorrendo, o empregador deve fazer a conta das férias levando em consideração os 12 meses trabalhados, sendo essas chamadas de “férias proporcionais”.

O trabalhador que pedir demissão não terá direito ao FGTS nem aos 40% da indenização que é reservado para demissões por justa causa.

pedi-demissao-direitos Pedi Demissão: Quais os Meus Direitos?

Conseguiu entender a importância de conhecer o processo de formalização para pedir demissão e manter os seus direitos? Existem pormenores que acompanham todo esse procedimento, portanto, é importante ficar sempre informado.

Todas as explicações passadas acima, te ajudam a pedir demissão sem ter nenhum problema com a empresa e sem fechar portas para possíveis oportunidades no futuro.

Equipe de Redação do Hábito Pragmático (HPG). Todo conteúdo passa um processo de elaboração, verificação e aprovação antes de ser publicado aqui no HPG e periodicamente os artigos são revisados e atualizados para manter uma informação de qualidade. Pragmático significa Prático, Realista e Objetivo, e é exatamente essa a nossa proposta, fornecer um conteúdo de qualidade, prático e de fácil compreensão.

Clique para comentar

Deixe um comentário Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Dicas

Cadastro Positivo: É bom ou Ruim? Aumenta Score?

Publicado

em

Muitos ainda não conhecem o Cadastro Positivo, ele consiste em um site onde as empresas podem verificar o histórico do pagador. Portanto, é possível verificar se a pessoa paga seus débitos em dia, ou ao contrário, fica devendo nos lugares onde realiza suas compras.

Outro fator importante que o Cadastro Positivo possibilita é a possibilidade de comprovação de renda para as pessoas que não possuem outros meios de comprovação, são autônomos, liberais, mas quitam seus débitos em dia. A seguir você conhece um pouco melhor sobre o Cadastro Positivo e sabe se vale a pena fazer o seu cadastro.

cadastro-positivo Cadastro Positivo: É bom ou Ruim? Aumenta Score?

Cadastro Positivo é Bom ou Ruim?

Para as empresas cadastradas o Cadastro Positivo oferece um histórico completo da vida financeira de seus clientes. Dentre as informações obtidas, pode-se destacar as compras efetuadas e o valor das parcelas, datas de vencimento, empréstimos realizados, se as contas foram pagas em dia e muito mais.

Ainda, é possível encontrar outros tipos de informações no Cadastro Positivo como contas ligadas aos serviços de água, luz e internet. Mas para quê isso serve? Através destes dados, a empresa consegue verificar se a pessoa tem um histórico de bom pagador, com isso, fica mais fácil e seguro para esta conceder novos créditos, ao passo que, avaliando as informações, o crédito poderá ser concedido as pessoas que tem menos chances de darem um “calote”.

Quem pode ter acesso as informações cadastradas no Cadastro Positivo?

Poderão ter acesso as informações a respeito da vida financeira das pessoas, no Cadastro Positivo, os órgãos de proteção ao crédito como SPC/SERASA, empresas de água, luz e telefonia, como também, demais empresas como as do comércio, bancos, financeiras, dentre outras.

Enfim, todas aquelas empresas que acharem necessário ter acesso a mais informações dos seus clientes, podem obtê-las pelo Cadastro Positivo.

cadastro-positivo-vale-a-pena Cadastro Positivo: É bom ou Ruim? Aumenta Score?

Quem pode fazer o Cadastro Positivo

Primeiramente, vale ressaltar que algumas mudanças estão sendo feitas com relação a quem pode fazer o cadastro. Com isso, a ideia é que qualquer pessoa poderá fazer o seu cadastro, através do seu CPF. Mas ninguém é obrigado a manter seus dados no Cadastro Positivo, podendo requerer a retirada das suas informações.

Outra informação que vem circulando na internet é de que o consumidor com cadastro na plataforma do Cadastro Positivo teria direito a juros mais baixos em suas compras, o que não é verdade!

Logicamente, a pessoa endividada pode tentar junto a credora, a composição de um acordo, onde a cobrança de juros, parcelamento pode ser diferente, dependendo do aceite ou não do credor e isso tem haver com o seu score de crédito. O simples fato de ter o cadastro positivo não garante aumentar o seu Score e vice-versa.

Ainda, é importante mencionar que as informações quanto ao histórico financeiro dos clientes não fica disponível para sempre no Cadastro Positivo, mas sim por 5 (cinco) anos. Sim, informações quanto a negativação do SPC e SERASA, também ficam disponíveis por 5 anos. Mas, algumas informações podem permanecer por até 15 anos!

Como fazer o cadastro na plataforma do Cadastro Positivo?

Desde o ano de 2019, você não precisa mais realizar o cadastro, pois foi promulgada a lei que autorizou a inclusão automática das informações financeiras de pessoas com idade superior a 18 anos.

O lado positivo desta ação é que, se você for um bom pagador, o seu score será disponibilizado as empresas, podendo com isso, você conseguir acesso a empréstimos e créditos. Por isso é importante quitar os seu débitos em dia, ou até mesmo, quando possível, pagar antes da data de vencimento.

As contas analisadas dizem respeito a pagamento de água, luz telefonia, como também, cheque especial, cartões de crédito, crédito pessoal, dentre outras.O Cadastro Positivo avalia os pagamentos feitos nos últimos 12 meses. Então, fique atento ao vencimento dos teus boletos!

Como Excluir meu Cadastro Positivo?

A solicitação de exclusão no cadastro da plataforma Cadastro Positivo deverá ser feito diretamente aos gestores de bancos de dados do Cadastro Positivo. Assim, o contato pode ser feito pelos canais de atendimento disponibilizados no site da empresa.

O prazo para exclusão das informações, após solicitado é de até dois dias após a solicitação.

cadastro-positivo-aumenta-score Cadastro Positivo: É bom ou Ruim? Aumenta Score?

O Cadastro Positivo vale a pena?

A questão varia, se você é um bom pagador, o Cadastro Positivo vale muito a pena, pois o se score estará alto e assim, você terá mais chances de ter créditos aprovados junto aos bancos e financeiras.

Agora se você não paga as suas contas em dia, está negativado no SPC/SERASA, o Cadastro Positivo pode vir a lhe prejudicar, impossibilitando em alguns casos, de conseguir créditos com bancos e financeiras ou ofertas melhores.

O Cadastro Positivo é uma ótima ferramenta para as empresas terem acesso a mais informações sobre os seus clientes, assim como para os consumidores, que são bons pagadores, os quais poderão ter benefícios quanto a concessão de créditos e empréstimos junto a bancos e financeiras. Então, se você está buscando financiamentos para casa, carros ou outras áreas afins é importante quitar suas contas em dia!

Continue Lendo...

Conteúdo da Página

Novidades

Categorias

Páginas

Conteúdo em Destaque

HPG - Hábito Pragmático é gerido por Miidia Serviços de Publicidade Web EIRELI – CNPJ 14.444.032/0001-90 - Contato: [email protected] - Todo nosso conteúdo é original, de propriedade do HPG e pode ser reproduzido, desde que apontada a devida fonte com um link para nossa Home Page ou página em questão. Conteúdo de ordem Prática, Objetiva e Realista.